Escolha uma Página

Paratextos editoriais e livros didáticos de matemática: uma análise de suas funções

Resumo: A partir de uma rápida observação em diversos livros didáticos destinados ao ensino da matemática na escola brasileira é possível perceber a presença de elementos para além do texto do conteúdo: nome do autor seguido de dados biográficos sobre formação e atuação; títulos e subtítulos da obra; título da coleção; indicações sobre adoção; informações sobre legislação vigente; dados sobre a edição; preço de venda; pareceres de avaliação; notas do editor ou do autor; prefácios; cartas destinadas ao autor; lista de obras do mesmo autor; notas de rodapé; entre outros. Tais elementos são denominados de paratextos editoriais. O presente projeto, portanto, tem por objetivo investigar as relações entre os paratextos editoriais e o livro didático, produzidos até a década de 1940, sob a denominação matemática. O recorte justifica-se pelos condicionantes envolvendo a produção didática no Brasil entre as décadas de 1930 e 1940. Tem-se como uma das metas, criar e tornar público um banco de dados elaborado a partir dos livros selecionados para esta pesquisa.

Pesquisa

Localização e Contato

Faculdade de Educação
Rua Prof.Marcos
Valdemar Freitas Reis, s/n,
Bloco D, sala 222
Gragoatá, Niterói - RJ - CEP 24210-201
 
Contato:
hedumat@gmail.com

Apoio

Desenvolvido pelo STI - Setor Web